Barroso autoriza compartilhamento de provas entre inquéritos sobre Temer

Luís Roberto Barroso atendeu a um pedido da Polícia Federal e autorizou que provas colhidas em um processo que investiga Michel Temer sejam compartilhadas com outro, informa Fausto Macedo.

Um é o inquérito dos portos, que apura se o presidente beneficiou empresas que atuam no porto de Santos ao editar um decreto para o setor; o outro apura suposto pagamento de R$ 10 milhões da Odebrecht para campanhas do MDB.

“Como se sabe, a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal admite que elementos informativos de investigação criminal ou provas colhidas no bojo de instrução penal, ainda que sigilosos, possam ser compartilhados para fins de instruir outro processo criminal”, escreveu Barroso em decisão datada da sexta, 17.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 3 comentários
  1. KKKKK adoro ver os patos da fiesp fuddidos hoje, quando resolveram colocar o TEMER e ter a confiança de volta….. Com o dolar turismo superior a 4 reais, não consegue nem ir ao PARAGUAY !!! kkkkkkk