Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Barroso diz que extremista usa redes para "preparar caminho para autoritarismo"

Sem citar o nome do presidente, o ministro do STF rebateu nesta quarta-feira os ataques e as ameaças sobre realização das eleições de 2022
Barroso diz que extremista usa redes para “preparar caminho para autoritarismo”
Foto: Nelson Jr./SCO/STF

O presidente do TSE, Luís Roberto Barroso, rebateu nesta quarta-feira (4) os ataques pessoais de Jair Bolsonaro. O presidente tem atacado o ministro diariamente, dizendo que ele trabalha para acobertar uma fraude nas eleições de 2022.

Em discurso em evento virtual do Tribunal Regional do Rio, Barroso afirmou, sem citar o nome de Bolsonaro, que a democracia está sendo ameaçada por três fenômenos: o populismo, o extremismo e o autoritarismo.

O extremismo hoje se vale, sobretudo, utilizando as redes sociais para campanhas de ódio, campanhas de desinformação e teorias conspiratórias. E aí nós caímos no autoritarismo, que é essa tentação permanente e em diferentes partes do mundo de concentração do poder, de supressão das instituições representativas. E, hoje em dia, o populista extremista autoritário se vale das redes sociais para atacar as instituições para tentar enfraquecê-las e preparar o caminho para o autoritarismo. Assim tem sido a experiência mundial.”

Mais cedo, Bolsonaro afirmou que está sendo perseguido por Barroso.

Mais notícias
TOPO