Barroso: política virou uma ‘corrupção generalizada’

Luís Roberto Barroso falava com alunos da Fundação Lemann sobre a saída do PMDB da base do governo e não percebeu que estava sendo gravado. Disse que o sistema político brasileiro “não tem um mínimo de legitimidade democrática e se tornou um espaço de corrupção generalizada”.

Leiam o que O Globo reproduziu:

“Quando, anteontem, o jornal exibia que o PMDB desembarcou do governo e mostrava as pessoas que erguiam as mãos, eu olhei e pensei: Meu Deus do céu! Essa é a nossa alternativa de poder. Eu não vou fulanizar, mas quem viu a foto sabe do que estou falando.”

“A política morreu, porque nós temos um sistema político que não tem um mínimo de legitimidade democrática, ele deu uma centralidade imensa ao dinheiro e à necessidade de financiamento e se tornou um espaço de corrupção generalizada.”

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

  1. Ficaram tanto tempo omissos, né? Ai, a água bateu na bund… e afundou milhares de indústrias e lojas! Fazer o que, né? Inês é morta! Quem sabe no Novo Brasil eles assumem um papel mais decisivo em favor do país que os sustenta!

  2. Ler mais 32 comentários
    1. Ficaram tanto tempo omissos, né? Ai, a água bateu na bund… e afundou milhares de indústrias e lojas! Fazer o que, né? Inês é morta! Quem sabe no Novo Brasil eles assumem um papel mais decisivo em favor do país que os sustenta!

    2. O governo do pt inchou os quadros de funcionários públicos com altos salários, criou 39 ministérios, criou nais de 20.000 cargos comissionados, e querem falar em aumentar impostos. Para sustentar essa cambada de sangue sugas, eu não aceito, eu não vou pagar o pato. Dilma tem que sair do governo, e apoiaremos o Temer que vai levar o Brasil até 2018, e chegar numa condição bem razoável. FORA DILMA…

    3. Faz décadas que ouço essa expressão e nunca parei para tentar entender. Eu achava que pagar o pato era pagar a conta de alguém. Mas pagar o pato = Bancar (ser) o besta. PT também é cultura.

    4. Segundo a Folha de São Paulo, o impeachment não vai sair, porque Edinho Silva garantiu que está tudo sob controle e o PT conta com 890 deputados garantidos para votar contra o Impeachment.