Barroso: ‘Vivemos um momento de exaltação de provas ilícitas e legitimação da profissão de hacker’

Barroso: ‘Vivemos um momento de exaltação de provas ilícitas e legitimação da profissão de hacker’
Foto: Carlos Moura/STF

Luís Roberto Barroso afirmou nesta quinta-feira, 25, que o Brasil vive um momento de “exaltação de provas ilícitas” e de “legitimação da profissão de hacker”.

A fala do ministro do STF foi proferida durante o encerramento da webconferência da Associação Nacional dos Membros do Ministério Público, relata o Estadão.

Barroso tem criticado duramente a divulgação das conversas roubadas da Lava Jato envolvendo Sergio Moro, Deltan Dallagnol e outras autoridades, na contramão de colegas seus no STF, no STJ e no TCU, que preferem usá-las em processos.

“Nós vivemos um momento de recuo, nós vivemos um momento de exaltação das provas ilícitas e da legitimação da profissão de hacker. Mas a verdade é que, apesar dos retrocessos que nós vivemos neste momento, e parodiando uma frase famosa de [Albert] Einstein, quando as pessoas adquirem uma nova ideia, o cérebro não volta ao seu tamanho original”, afirmou o ministro do STF.

Barroso sustentou que, “apesar dos retrocessos, não estamos voltando lá para trás”; para ele, está “cada vez mais difícil de um vigarista sair na rua”, visto que “os riscos jurídicos aumentaram”.

“Apesar de vivermos uma operação abafa, nós já mudamos, eu penso, a história do Brasil”, acrescentou o ministro, esse otimista.

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie a o jornalismo independente.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO