Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Barroso vota para manter queixa-crime contra Lira; Lewandowski pede vista

Barroso vota para manter queixa-crime contra Lira; Lewandowski pede vista
Foto: Carlos Moura/SCO/STF

Em julgamento no plenário virtual do STF nesta sexta-feira (12), Luís Roberto Barroso votou para manter uma queixa-crime contra Arthur Lira e enviá-la à Vara de Violência Doméstica de Brasília.

O segundo ministro a se manifestar, Ricardo Lewandowski, pediu vista e interrompeu a análise. Não há previsão de quando Lewandowski devolverá o caso.

A queixa-crime é movida por Jullyene Lins, que foi casada com o atual presidente da Câmara por dez anos e com quem ele teve dois filhos. Jullyene, que acusa Lira de violência doméstica, entrou com a ação no STF em junho de 2020, por crimes de injúria e difamação.

Os ministros vão analisar um recurso de Lira para que o Supremo rejeite a queixa-crime em razão de sua imunidade parlamentar. Os advogados do deputado também pediram que, caso o tribunal decida mantê-la, os autos sejam remetidos a um dos juizados criminais de Maceió.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....