Betão de Pezão se entrega à PF

Luís Alberto Gomes Gonçavels, sócio da empresa JR Pavimentação, que guardava dinheiro de propina para Luiz Fernando Pezão, entregou-se à PF.

A polícia o considerava foragido.

O Betão de Pezão teria guardado 1 milhão de reais repassados por Carlos Miranda, operador de Sérgio Cabral.

As informações são do Extra.

O "velho Brasil" contra-ataca a Lava Jato e Sergio Moro. Entenda AQUI

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 11 comentários