BNDES emprestou R$ 283 milhões para fabricantes de cloroquina

BNDES emprestou R$ 283 milhões para fabricantes de cloroquina
Foto: Reprodução/Facebook

O BNDES firmou, no ano passado, quatro empréstimos de R$ 283 milhões para a Apsen e a EMS, fabricantes de hidroxicloroquina, informa o Estadão.

O banco e as farmacêuticas negaram que os recursos tenham sido usados para a produção do medicamento, que é ineficaz contra a Covid-19.

Três dos empréstimos – um para a Apsen, de R$ 94,9 milhões, e dois para a EMS, de R$ 81,4 milhões e de R$ 47,8 milhões – foram contratados em fevereiro do ano passado.

Foram usados, segundo o jornal, para construção de uma nova fábrica de medicamentos oncológicos, ampliação das linhas de produção de medicamentos.

Leia mais: Pois é, nada mudou da esquerda para a direita.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO