"Boa tarde, ministres"

“Boa tarde, ministres”
Foto: Reprodução/Redes Sociais

Jair Bolsonaro e Damares Alves, em live, comentaram sobre a decisão do Colégio Franco-Brasileiro, do Rio, de adotar a forma “querides alunes” para combater a binariedade de gêneros.

A ministra dos Direitos Humanos afirmou que o combate ao preconceito não se dá com mudanças em palavras.

“Não é mudando palavra que a gente vai mudar o Brasil, presidente, é com ações efetivas. O que nós estamos fazendo no ministério: acolhendo travestis e incluindo eles no mercado de trabalho. Isso é política pública de inclusão. Imagina o senhor entrar em uma reunião de ministros e dizer: ‘Boa tarde, ministres’. Vai mudar o que no Brasil? Não muda nada.”

Irritado, Bolsonaro completou:

“Eu não sei se o português mudou –não dá tempo para acompanhar tudo–, mas o cara começa a palestra: ‘Bom dia a todos e a todas’. Isso não existe. É ‘bom dia a todos’. Começa com uma palhaçada dessa: a todos e a todas.”

Leia mais: A revista que fiscaliza TODOS os poderes e conta com os melhores colunistas do Brasil.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO