ACESSE

Bolsonaro consultou Toffoli e presidentes do Congresso sobre ação na Venezuela

Telegram

Jair Bolsonaro consultou os presidentes do Senado, da Câmara e do STF sobre o envio de ajuda humanitária à Venezuela.

Segundo a Folha, não houve consenso: Rodrigo Maia e os militares do Planalto foram contra a iniciativa. Para os generais Santos Cruz e Augusto Heleno, o país poderia estar sendo usado como isca para dar margem a uma intervenção militar dos EUA.

“Bolsonaro, então, teria garantido aos presentes que não autorizaria o ingresso de tropas americanas na Venezuela por meio do território brasileiro. Opinaram pela ajuda humanitária os ministros da Defesa e das Relações Exteriores, além de Toffoli e Alcolumbre”.

Eleições no Senado: A Fraude Será Punida? Descubra aqui.

Comentários

  • Icnox -

    Ué não diziam que o Bolsonaro era contra a democracia, que ele iria fazer o que bem entende, como um ditador... Pois é as mentiras da Esquerda sempre caindo por terra uma atras da outra sem esforç

  • Richard -

    Não se pode cair na arapuca americana. Nada de bravatas, JB. Um porta-aviões americano na costa venezuelana deve valer mais que o poderio bélico de toda a América Latina. Eles que resolvam.

  • J.TAJRA -

    Totalmente desnecessário essa consulta, quando o ADVOGADO DO PT DIAS TOFFOLI, quer tomar suas decisões (na maioria delas imorais) jamais ele irá consultar o EXECUTIVO. Poderes independentes.

Ler 38 comentários