ACESSE

Bolsonaro contra a farra dos conselhos

Telegram

Na live pelo Facebook, Jair Bolsonaro também disse querer acabar com a farra de gastos públicos em passagens e viagens, pagas pelo governo, para encontros de conselhos.

Criados em profusão na era PT, existem hoje quase mil em funcionamento, segundo presidente. “Queremos reduzir para 50.”

Deu como exemplo um encontro de 10 mil índios na semana que vem em Brasília.

“Quando vêm para Brasília, quem paga a conta é você. Nós queremos o melhor para o índio, mas essa farra vai acabar”, disse o presidente.

O CODINOME DO MINISTRO, SEGUNDO O EMPREITEIRO

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 82 comentários