ACESSE

Bolsonaro convida Temer para comandar missão de ajuda ao Líbano

Telegram

Na reunião virtual com líderes mundiais, Jair Bolsonaro anunciou neste domingo que o Brasil vai mandar insumos e medicamentos para o Líbano.

“Em um momento que requer a união de esforços internacionais, apresento minhas condolências e solidariedade em nome do povo brasileiro. O Brasil é um dos países que mais recebeu libaneses no mundo e, por essa razão, tudo o que afeta ao Líbano, nos afeta como se fosse o nosso próprio lar e pátria.”

O presidente afirmou ainda ter convidado Michel Temer para integrar a comitiva brasileira que vai ajudar o país após a explosão no porto de Beirute.

“Estamos acertando com o governo libanês o envio de uma equipe técnica multidisciplinar para colaborar na realização da perícia da explosão. Convidei como meu enviado especial e chefe dessa missão o senhor Michel Temer, filho de libaneses e ex-presidente do Brasil.”

Como dissemos, Temer tornou-se uma ideia.

Leia mais: A 'paz conveniente' reina em Brasília

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 109 comentários