Bolsonaro desiste de Ministério da Família

Eduardo Bolsonaro disse à Crusoé que o presidente eleito desistiu de criar o Ministério da Família.

Fez muito bem.

Os assinantes da Crusoé podem ler a nota completa clicando aqui.

 

A grande imprensa está, é claro, atrasada no episódio do convite de Bolsonaro a Sergio Moro... LEIA AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 215 comentários
  1. O objetivo é diminuir o numero de ministérios. Na década de 80 a França “cortou” 2/3 (dois terços) do total existente. Até hoje tudo funciona bem com apenas 1/3 dos funcionários CONCURSADOS.

  2. Na discussão é que nasce a Luz(se isto for verdade!).Bolsonaro tá certo. A ditadura acabou. Reunir a tropa, OPS! o PESSOAL, debater as sugestões e escolher a MELHOR. DEUS acima de todos.

  3. UFA, que alívio! Já estava com vergonha alheia, ainda mais Magno Malta como ministro, só falta Alexandre Frota ministro da cultura! Bolsonaro, não nos decepcione, o picadeiro acabou!

    1. Luis, mas todos os ministérios no governo lula já eram pornôs , por natureza. Foram quase 23.000 petistas nomeados após o primeiro mandato . A maior IMORALIDADE praticada pelo PT.

  4. Ideia de jerico! Até parece coisa de comunista; deveria é extinguir muitos outros cumprindo o que prometeu de fortalecer Municípios e Estado em detrimento do Governo Federal, o Monstro Insaciável!

  5. Calma gente. Bolsonaro está montando seu ministério e estrutura de governo. Tudo tem de ser estudado. É natural que haja mudanças, novos direcionamentos. isso mostra que Bolsonaro não é cabeça

    1. verdade, temos que dar tempo e confiar, eles vão quebrar a cabeça com a realidade encontrada mas vão chegar a uma boa conclusão, acredito nisso.

    1. Eu ri. Preservar as família estruturadas, ou que vão se formar, na perspectiva de novas vidas serem geradas, é algo prioritario pra qualquer nação grande. É o art. 226 posto em prática.

  6. Como já se disse aqui, o melhor nome para o ministério, não seria o da Família, mas sim “Evanjegue”. Para mim seria “evanlefante” ou “evancamelo”. Atendendo os evangélicos, e o puxa saco o

    1. A birra de alguns esqierdistas e liberalóides, que são igualmente progressistas nos Coates e valores, é com o fato dos indicados serem conservadores, cristãos, no caso crentes. Previsível.

    1. Um político do baixo clero que se elegeu presidente da república com mais de sessenta milhões de votos com custo quase próximo a zero. Bota baixo clero nisso, seu idiota.

    1. Não esqueçam: o projeto que eleito é conservador, e que ele não abraçar bandeiras progressistas, contra as quais ele sempre lutou. A oposição que se vire nesse papel, e o governo a derrote.

    1. Magno Malta não venceu a eleição no seu próprio estado, isso já é um indicativo bem ruim em uma eleição em que a maior parte dos apoiadores do Bolsonaro se deram muito bem. Sem falar no oportu

    2. Ele, em todos esses casos citados por Rosa, manteve-se conservador, alguém de pautas, agendas, não importa o governo. Sempre contra as drogas, aborto, e contra os ativismos esquerdistas.

    3. Ele, em todos esses casos citados por Rosa, manteve-se conservador, alguém de pautas, agendas, não importa o governo. Sempre contra as drogas, aborto, e contra os ativismos esquerdistas.

    4. Pelo seu “puxaquismo” seu oportunismo. Esteve de braços dados com os governos: FHC, Lula, Dilma, e agora, depois de ter tripudiado ser vice, vem querer se ministro.

  7. O projeto que elegeu Jair Bolsonaro é conservador (a defesa da família é algo conservador). Não é um projeto progressista, que abraça todas as bandeiras. Pra isso há a oposiçã minoritária.

  8. Bolsonaro está ajustando seu pensamento. O foco deveria ser a Educação. É preciso limpar a Academia do câncer comunista. A partir daí, teremos que esperar uns 30 anos para a cura.

    1. Ele não pode é se descaracterizar, sob obrigação de gerar atritos com a base, pra agradar um ou outro setor minoritário.

  9. A família, com a retomada dos rumos do Brasil por um governo dedicado à Pátria, ficará cada dia mais unida, feliz e próspera por si mesma. Quanto mais enxuta a administração pública, mais louv

    1. A raiva dosnliberaloides e esqierdistas, igualmente progressistas, vai ficando evidente: é contra os evangelicos, cristãos, e conservadores ocupando posições de poder.

  10. Evanjegues seria um pejorativo para denominar os evangelicos? Precisa ser evangelico para apoiar a familia tradicional? Sou contra o ministério, e contra esses ataques. Assima direita nun vai crescer

  11. Evanjegues seria um pejorativo para denominar os evangelicos? Precisa ser evangelico para apoiar a familia tradicional? Sou contra o ministério, e contra esses ataques. Assima direita nun vai crescer

  12. Os evanjegues queriam a criação de um ministerio para fiscalizar os “buracos alheios”. Provavel quisessem o Magno Malta ou quem sabe o Levir Fidelix que é especialista no assunto ahahah

    1. Quer que o governo de um viés conservador não adote medidas conservadoras? Como a FUSÃO ministerial de outras pastas, dando o nome de “ministério da família”? A birra é por Magno ser crente.

    1. Inventar? Inventar ou… fundir e colocar o nome de “ministério da familia”? O povo tá precisando pesquisar mais. A birra é por ele ser crente, conservador?

  13. A esquerda destrói a família… mas tudo bem… Se vem alguma ideia (só ideia) de recuperar as relações familiares… oh… é o Estado se intrometendo na MINHA família… é preciso se mais IMP

  14. Seu amigo vai esperar outra boca. Talvez um cargo na ONU. Ele pode fazer um bom trabalho para dar espaço para o contraditório democrático à unanimidade “burra” da atual ONU.

  15. Ministerio do quê??? Que porra era essa??? O Bolsonaro NUNCA falou em tal ministerio! Seria um pra acomodar o amigao Magno Malta? Que merda to começando a achar que esse governo ja começou perdido

    1. Ministério da FAMÍLIA, palavra que ele sempre repetiu na campanha (aliás, durante toda a sua trajetória parlamentar), por ser conservador, cristão. A pasta reuniria outras JÁ existentes.

    1. O ministério da família seria pra fundir ministérios de cunho social, e ficaria, ou ficará, sob a tutela de um conservador, cristão crente (algo que “ouriça” alguns liberais), como Magno.

    1. Os liberalóides implicam com os conservadores e cristãos no governo de Jair Bolsonaro, especialmente se for pastor/pastora crente. Querem que o capitão vire um biombo de bandeiras. Não vai.

    2. O Estado já se meteu. Agora o NOVO Estado quer consertar as porcarias que os petralhas deixaram, vai defender as famílias.

    3. Fernando vc é um doente mental. Nem todo mundo que é contra algo que o “mito” faz é esquerdopata! Acorda pra vida seu imbecil. Bolsonaro tb pode errar sai dessa bolha de idolatria

    4. Que o estado querendo se meter em família de ninguém, seu acéfalo. Recolha-se a sua insignificância e volte para sua ORCRIM PTralha. Essa conversa é coisa da garotada da Pablo Vittar. Ah, Jean…

    1. Demagogia? Criar ou fundir pastas existentes, apelidando a nova pasta como a da família? Perguntas que não estão sendo feitas….

    1. Deixem de birra com conservadores, pastores, cristãos, tá ok? Ele está apto a ocupar um ministério, um cargo de confiança, pelo critério do alinhamento ideológico, programático.

    2. Não coloca Magno Malta no lugar de ninguém! Deixa esse desqualificado voltar a tocar pagode na Bahia pra ganhar uns trocados.

    3. Pode ser sim, se ele não se ofender. Por enquanto, ele está depurando seu narcisismo ferido. Espere mais alguns dias.

  16. Ministério da família me cheira a agrado a evangélicos.Acho bom o Presidente se lembrar que ele foi eleito por todos os brasileiros. Só evangélicos não levariam ele nem ao segundo turno.

    1. Ele foi eleito pela maioria conservadora, cristã, e assim a agenda dele é. Você não verá ele abraçando bandeiras progressistas, ou esquerdistas, como queira. Ele trairia a própria agenda.

    2. Ministério da família seria para defender os interesses das famílias brasileiras,independentemente de ser evangélico, católico,espírita ou outra religião.Parece que a turma continua com o ranç

  17. Fez bem. Uma coisa sem pé nem cabeça. Melhor se preocupar em democratizar as ideias dentro das escolas combatendo a hegemonia e a manipulação comportamental dos esquerdistas travestidos de profess

    1. Não tão bem. Ele é um conservador, e não pode ceder ao choro de progressistas. Ele é conservador, não um isentão sem palavra.

    1. Pra cuidar de pastas que se fundiriam, como direitos humanos, e desenvolvimento social. Mas da mesma forma que alguns progressistas detestam canções patrióticas, detestam a família.

    1. E daí? A guerra também é cultural. Jair Bolsonaro não é nenhum dinheiros tá, liberal pode. Ele é conservador, foi eleito como um conservador de longa data.

  18. O tal “Ministério da Família” é uma bizarrice sem tamanho. É mais Estado tentando intervir na vida das famílias brasileiras — um verdadeiro horror. Isso é ideia de muçulmano…

    1. Respeitar. Não tem nada de evanjeguem eu sabia que essa birra é com o conservadorismo. Esqieçeram que o presidente é, como a maioria dos brasileiros, conservador, cristão?

    2. Exato. assim como a Esquerda fez com o Min da Educação e o “kitgay”. Fundamentalism é uma merda seja esquerdista/comuna, seja direitista/evanjegue

    1. Cristãos, católicos e evangélicos, ainda salvam moralmente está nação. Não fosse por eles, estaríamos com o currículo escolar ainda mais estragado, e com pessoas consumindo todas as drogas.

  19. Tem gente que não fez 0,5% do que o Magno Malta fez e estar querendo cargo por ser só amigo do Bolsonaro como o Alberto Fraga, e porquê que se dedicou 100% na campanha pelo Bolsonaro não pode ter

    1. Jair Bolsonaro é um CONSERVADOR, que foi eleito com um discurso COBSERVADOR. Logo, ele não vai abraçar ideias liberais nos costumes, valores, cultura. Só na economia. Ele tem agenda.

    2. Pq sua anta, o Bolsonaro prometeu acabar com os cabides de emprego, reduzir ministerios, nao fazer agrdos politicos e nao se meter na vida particular do cidadao (como fez o PT com kitgays)

    1. Seria uma fusão, pela milhonésima fez. O nome dessa fusão seria “ministério da família”. E Magno Malta seria o melhor nome, por ser CONSERVADOR.

    2. Ah tá! Quer dizer que nao sua visao distorcida, qdo é “amiguinho do presidente” pode criar cargo e Ministério pra empregar o cidadao, mas qdo é da oposição é “cabide de emprego”. Legal isso

    3. Magno Malta que se saiba não é doutor, mas por contribuído muito pela eleição do Bolsonaro merece fazer parte do governo dele. O que há de errado nisso? Ontem Magno Malta era o cara, hoje não?

  20. E se o Príncipe PHIlippe não for o Chanceler, Eduardo, será Relações Exteriores MAIS DO MESMO. O tapa dado é o primeiro. É agora ou nunca mais. A credibilidade vai pro BÉLELÉU, igual a CABAÇ

    1. Ubiratan, vc fala no Eduardo Paes Saboia? O embaixador na Bolívia que resgatou das mãos da turma do índio Cocaineiro Evo Morales é o trouxe o senador Molina numa operação cinematrografica? É es

    2. Deputados e senadores conservadores eleitos deveriam ficar nas respectivas casas, ajudando a mudar a legislação e limpar aquela bagunça. Foram eleitos pra isso. Fora, cada um que sair vai fazer fal

    3. igual CABAÇO PERDIDO. O Relações Exteriores é um covil de raposas esquerdistas. Tem que ser saneado com um Chanceler fora do quadro corrompido e robotizado e todos irmanados. Sangue NOVO, mente no

  21. Que bom. essa era uma coisa muito “esquisita”, proposta de positivista e não de liberal. Nem tudo é família (como querem uns liberais), mas também não precisa de um ministério!

    1. Mas ele é CONSERVADOR nos costumes, tradições, cultura, valores. Na economia ele tem absorvido ideias liberais, sem desprezar a estratégia.

  22. Quantas idas e vindas até agora? 1-junção do meio ambiente com agricultura, 2-transferencia de embaixada, 3-ministerio família. Parece um laboratório! Obs: votei nele e espero que acerte mai

    1. Ele não pode deixar de transferir a embaixada nem deixar que raposas do congresso, ou demais figurões de Brasília, pautem o programa conservador dele. Esse ministério mesmo seria uma fusão.

    2. É normal um governo eleito recuar ou esperar um pouco em certos assuntos. Haverá aproximação com Israel. Isso é que importa..

    3. É normal um governo eleito recuar ou esperar um pouco em certos assuntos. Haverá aproximação com Israel. Isso é que importa..

  23. Caso seja verdade neste verdadeiro PUXA ENCOLHE possa ser que Bolsonaro esteja voltando e escanteando o Jair. Prometeu quinze Ministérios vistes Eduardo? O eleitor nunca vai esquecer. JUÍZO!

  24. Coisa mais ridícula esta ideia Parece coisa da Russia ou Venezuela. Direitos devem ser preservados em todas as instancias, mas já temos estrutura para isto. Só falta o “Ministério da Felicidade”

    1. Não queira que ele defenda todas as bandeiras, inclusive bandeiras progressistas, que aí ele estaria fugindo do programa conservador dele. Ele foi eleito em cima de um projeto conservador.

    1. Douglas, não esqueça que o Magno Malta sacrificou uma reeleição pela campanha do Bolsonaro. O que fez Alberto Fraga na campanha do Bolsonaro? Ele quer ser ministro. Respeite a história do Magno M

    1. O povo não pesquisa mesmo, hein? Ele fundiria alguns ministérios e daria um nome, “ministério da família”.

    1. belo argumento, cala boca kkk.procure biografia do senador e veras que pessoa ilibada. Votei Bolsonaro, mas nao sou petista para idolatrar besteiras de chefe

    2. Até outro dia Magno Malta era referência de apoio ao presidente eleito e hoje vocês o sacanea? Ora, ninguém se dedicou tanto a campanha do Bolsonaro quanto ele. Ele merece sim está ao lado do Jai

    3. foi quase motivo de nao votar bolsonaro.motivos, veja gasolina, ambulancias etc sob magno malta wikipediaPessima aquisição para Bolsonaro

    1. Bom seria que o Temer passasse essa bola para o Bolsonaro, basta vetar a medida. E seria uma ótima oportunidade do Bolsonaro demonstrar determinação no controle das contas públicas.

    1. Esse é o funcionamento pleno da democracia. É q você deve estar acostumado com os petistas, que falavam que ia fazer e foda-se o mundo em volta…

    1. Jair Bolsonaro não veio pra defender a bandeira de todos os setores. Pra defender o que ele não defender, existe a oposição, nas casas legislativas. O projeto dele é conservador.

    2. Seria um vexame. Ridículo. Já temos toda estrutura para preservar direitos de todos em todos os âmbitos. Que mais virá? Ministério dos índios, Ministérios dos em situação de vulnerabilidade,

    1. Concordo. Cristão são maioria, conservadores são maioria, silenciosa, ativa, consciente, ou inconsciente, e não tem a representatividade majoritária.

    1. Ele é um conservador, que o sistema, a grande mídia, e os altos escalões de Brasília a todo momento tentam pautar, mudar. Ele é será conservador com ou sem ministério da família.

    2. Deveria ser mais objetivo e não mudar tanto. Não votamos nisto aí. Tá mudando demais pro meu gosto. E olha que defendo o capitão em armas se necessário.

  25. Gosto muito de Bolsonaro e da Família dele, mas noto que se empolgam demais, e ai na empolgação falam coisas sem uma análise clara para depois terem que voltar atrás. Ai fica um pouco infantil!

    1. Como disse o Fernando, seria uma junção. Agora alguns tem que se lembrar que o projeto eleito é conservador.

    2. o Ministerio da Familia sera a junção de 2 ministerios ja existentes… se ele nao vai “criar” o da Familia, vão continuar 2 ministerios a toa la

    1. Concordo com o Fernando. O que existe é birra de alguns liberais progressistas com conservadores, cristãos evangélicos.

    2. Lucas, e foi essa mesma gente que elogiara o Magno Malta por ele percorrer o país do Oiapoque ao Chuí fazendo campanha para Bolsonaro e hoje vem aqui reprová-lo. ingratidão é foda! Se liga, Jair.

    3. MARIA, não seria criado nenhum ministério novo, simplesmente seria trocado só o nome do atual ministério. Ah, por se dedicar a campanha do Bolsonaro mais que a dele o deixou fora do senado. Foi le

    4. O Ministério da Familia não seria “criado”. Ele seria a fusão do Ministerio do Desenvolvimento social com o Ministerio dos Direitos Humanos

    5. Porque este ministério seria criadosó para acomodar o Magno Malta, que não quis ser vice e não conseguiu ser reeleito.

    1. Agora o Magno Malta é isso “Jerico” para vc? Ah, Se liga mané! Quando ele sacrificou uma reeleição certa em prol de rodar todo o país para ajudar Bolsonaro ele servia, agora não mais? Que ing

  26. PLEBISCITO para voto distrital, diminuição pela metade dos deputados, fim do senado e mudança nos STF formados por juristas de careira!!! Chega destes vagabundos canalhas que só pensam em si

    1. O segundo é porque ele é um político, onde não colocaria pessoas técnicas no ministério, mais sim os seus compadres, podendo usufruir do dinheiro da União.

    2. Por dois motivos. O primeiro é porque ele não é um cara confiável, ele apoia quem está no poder (pesquise na internet).