Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Bolsonaro e Lira participam de filiação de Cláudio Castro ao PL

Bolsonaro e Lira participam de filiação de Cláudio Castro ao PL
Reprodução

Jair Bolsonaro e Arthur Lira (PP-AL) participaram hoje da filiação do governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, ao PL. No evento, o presidente da República chamou o Partido Liberal de “nosso partido”.

“É uma satisfação estar aqui. Obrigado Valdemar Costa Neto pelo convite; Arthur Lira, nosso presidente; prezado Cláudio Castro, nosso governador, que está fazendo um bom trabalho no RJ. Tenho muita simpatia por ele. Temos nos entendido muito bem e é um motivo de satisfação e honra estar aqui. Desejo boa sorte no novo partido, que tenha sucesso no Rio de Janeiro. Já tenho conversado com ele sobre a sucessão. Creio que o Rio de Janeiro está muito bem servido de governador e, se Deus quiser, vem uma reeleição pela frente. Parabéns a vocês e ao nosso partido, o PL”, disse Bolsonaro.

Castro foi eleito na ‘onda’ da renovação política como vice de Wilson Witzel, retirado do cargo após processo de impeachment aberto por causa da compra de respiradores superfaturados. Ambos disputaram as eleições de 2018 pelo PSC de pastor Everaldo, preso na Lava Jato.

Já o PL, antigo PR, pertence a Valdemar Costa Neto, condenado em 2012 pelo Supremo Tribunal Federal a sete anos e dez meses de prisão, além de multa de mais de R$ 1 milhão, por seu envolvimento no Mensalão. O político foi perdoado pela corte quatro anos depois.

O movimento de Bolsonaro é claro: garantir o apoio de um dos poucos nomes do Centrão que ainda o enxergam como uma opção viável para 2022. Além disso, ser apoiado pelo governador de um dos maiores colégios eleitorais do Brasil pode ajudar na disputa do ano que vem.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO