ACESSE

Bolsonaro e o complô

Telegram

Jair Bolsonaro “diz estar convencido de que há um complô que une Rodrigo Maia, Alexandre Moraes e João Doria, para derrubá-lo do governo”, diz a Folha de S. Paulo.

Esse foi um dos motivos de seu ataque a Sergio Moro durante a reunião ministerial: ele queria saber o que seus adversários conversavam de madrugada.

Leia também: Centrão: aliado de Bolsonaro, Doria e Witzel

Comentários

  • RENATO -

    Eu também faço parte do complô, vou derrubar o seu governo, seu vagabundo.

  • Alberto -

    Não está preparado para usar o poder.Se estivesse, isso não seria surpresa."Na politica não há amigos, apenas conspiradores que se unem contra o inimigo". O bom cabrito não berra. Fica na moita.

  • Wanessa -

    Tem que ser afastado da presidência por motivos de insanidade mental.

Ler 207 comentários