Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Bolsonaro: "Fake news é contrariar o G7 da CPI"

O presidente voltou a fazer referência ao apelido "saltitante", que deu ao vice-presidente da comissão, Randolfe Rodrigues, do Amapá
Bolsonaro: “Fake news é contrariar o G7 da CPI”
Reprodução/Tv Planalto YouTube

O presidente Jair Bolsonaro voltou a atacar integrantes da CPI da Covid nesta quinta-feira (6). Em evento no Planalto, ele afirmou que contrariar a comissão é considerado “fake news”.

O que é fake news? Fake news é contrariar a imprensa, o G7 da CPI. Se você falar qualquer coisa suspeita sobre vacina, ‘ah, meu avô tomou vacina e não passou bem’. Pronto, isso é fake news. Se botar na sua página, vai ser derrubada a página. Se bobear, você vai para a cadeia.”

Segundo o presidente, se o ministério da Saúde estivesse nas mãos da oposição, não haveria críticas ao governo pela gestão na pandemia.

Se eu tivesse oferecido o ministério do Queiroga para o pessoalzinho de lá, tava resolvido. Iam comprar vacina sem certificação da Anvisa e sem licitação.”

Ao citar  Randolfe Rodrigues (Rede-AP), Bolsonaro disse “aquele senador do Amapá” e fez um gesto com as mãos em referência ao apelido de “saltitante” que deu ao senador.

Mais notícias
TOPO