Bolsonaro imita José Dirceu

Bolsonaro imita José Dirceu
Foto: Reprodução/redes sociais

“Não vale a pena ficar revoltado com o cinismo do presidente Bolsonaro quando diz que acabou com a corrupção no Brasil”, diz Merval Pereira.

“Quando todo poderoso ministro-chefe do Gabinete Civil, José Dirceu tinha um mantra. Repetia, para convencer os incautos: ‘Este é um governo que não rouba nem deixa roubar’ (…).

Como sempre, o que Bolsonaro mira é sua reeleição, e acabar com a Lava Jato significa para ele um trunfo eleitoral, pois teoricamente apagaria a memória de Sergio Moro, que Bolsonaro considera um concorrente perigoso em 2022”.

Leia mais: Combo O Antagonista e Crusoé: comece a ler por apenas R$ 1,90/mês
Mais notícias
TOPO