Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Bolsonaro indica ao TST cunhada de Beto Richa

Morgana é casada com Pepe Richa, irmão do ex-governador e seu ex-secretário de Infraestrutura; em 2018, ambos foram alvo da Operação Rádio Patrulha
Bolsonaro indica ao TST cunhada de Beto Richa
Reprodução/Anamatra

Jair Bolsonaro indicou a desembargadora Morgana de Almeida Richa (foto), cunhada do ex-governador tucano Beto Richa, para a vaga de ministra do Tribunal Superior do Trabalho (TST). O nome da magistrada será agora apreciado pelo Senado.

Caso aprovada, ela vai assumir a cadeira de Walmir Oliveira da Costa, que morreu em abril por complicações decorrentes da Covid-19.

Morgana é casada com José Richa Filho, o Pepe Richa, ex-secretário de Infraestrutura e Logística de Beto. Em 2018, ambos foram alvo da Operação Rádio Patrulha, que investiga esquema de propina envolvendo empreiteiras com contratos de manutenção de estradas rurais.

Em agosto, a Segunda Turma do STF enviou o caso para a Justiça Eleitoral, com votos de Gilmar Mendes, relator, Ricardo Lewandowski e Nunes Marques.

Morgana tem trajetória na Justiça do Trabalho, onde começou a atuar em 1992. A desembargadora é doutora em direito constitucional pela PUC de SP e integrou o CNJ entre 2009 e 2011.

A indicação vem sendo interpretada nos bastidores também como gesto político para consolidar o palanque do presidente no Paraná, considerando que Beto ainda mantém grande penetração nas Prefeituras.

No estado, Bolsonaro fechou acordo para reeleição de Ratinho Júnior, com apoio de Ricardo Barros e Alvaro Dias.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....