ACESSE

Bolsonaro manda suspender cortes na educação, diz líder na Câmara

Telegram

Às vésperas da greve prevista para esta semana, Jair Bolsonaro determinou hoje que não haja mais cortes orçamentários no Ministério da Educação, disse o líder do PSL na Câmara, Delegado Waldir.

Segundo o UOL, a ordem foi passada a Abraham Weintraub nesta tarde e testemunhada por líderes partidários reunidos com o presidente no Planalto.

“O presidente ligou para o ministro na nossa frente e pediu para rever. O ministro tentou contra-argumentar, mas não tem conversa”, afirmou Waldir.

A ESTRATÉGIA PARA FAZER A "NOVA POLÍTICA" SE CURVAR À "VELHA POLÍTICA". Leia aqui

Comentários

  • Alberto -

    A impressão que dá é que diversas decisões tem sido tomadas de modo personalista, sem o devido aprofundamento e sem a necessária discussão quanto a possíveis (e até previsíveis) desdobramentos.

  • Alberto -

    Que fique claro que, ainda que, mesmo com tais problemas, este governo ainda ganha com sobre daqueles que o antecederam. Afinal, é fato notório que Lula e Dilma ouviam a todos e faziam o que queriam.

  • Cassiapintoribeiro@Y -

    Vergonha. É todo dia! Até quando vamos suportar? Pela reforma da Presidência já! O que mais podemos dizer?vamos contratar a janaina.

Ler 132 comentários