Bolsonaro não acredita em resultado de inquérito sobre atentado

À Record, Jair Bolsonaro disse que não está satisfeito com a conclusão do inquérito da Polícia Federal sobre o atentado cometido por Adélio Bispo de Oliveira.

“O processo está sendo conduzido por um delegado que foi homem de confiança, por dois anos, de Fernando Pimentel.”

Segundo ele, muita coisa precisa ser esclarecida –ele citou denúncia de O Antagonista sobre os registros de entrada de Adélio na Câmara no dia 6.

“A própria tentativa de Adélio entrar na Câmara dos Deputados, no dia do atentado, é suspeita. Caso conseguisse fugir, ele teria um álibi poderosíssimo. Ao saber disso, minha reação foi de indignação. Temos que chegar à verdade. Um ato como esse não pode partir só da cabeça dele de forma isolada.”

Você precisa ficar atento às pesquisas na reta final da eleição. Saiba mais AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 27 comentários
  1. Dirceu,mesmo preso em 2014,recebia propinas.Reincidente e condenado em 2 instâncias,foi solto por Tofoli para incitar ódio e violência contra Bolsonaro. 2002=2018. Em 2002,mataram Celso Daniel

  2. Só ele? NINGUÉM acredita! Mas já deram um jeitinho de arranjar um atestado de insanidade para o safado e, mesmo que condenado, vai passar uma temporada em um hospital psiquiátrico. Coisa pouca!

    1. Ele aparentava 50 anos cheio de saúde e vitalidade. Mas ele vai se recuperar aos poucos. Tem que descansar, ainda está muito recente. Acho que já ativo demais! Deus no comando…

  3. Nem a famosa “PIDE” de Portugal, atuando em colônia portuguesa de além mar chegaria a uma conclusão tão idiota. Se aqui fosse sério, o Adélio já tinha contado tudo, quem bancava e quem planej

  4. Antas, esqueçam a grobo. Esqueçam perdedores. O próximo presidente do Brasil está aqui na Record. Estou com ele. Milhões estão com ele. Se quiserem que comentemos… É RECORD.