Bolsonaro nega pressão de evangélicos para escolha de Vélez Rodríguez

Telegram

Jair Bolsonaro negou, neste sábado, que tenha havido pressão da bancada evangélica para a escolha de Ricardo Vélez Rodríguez como ministro da Educação.

“Pelo que eu sei, [Vélez] não é evangélico. Mas atende aquilo que a bancada evangélica defende, os princípios, valores familiares e respeito à criança.”

“Escola é lugar de aprender uma profissão e também noções de cidadania e patriotismo, amor à pátria. É isso que nós queremos, e não ficar com essa história de ideologia de gênero ou formando militantes.”

Comentários

  • Presidente-XVII -

    Perfeitamente. E os cristãos apoiam essa escolha.

  • Adriano -

    Só alegria.

  • Gazpar -

    Como não seguiu a pauta da grande mídia... agora a grande mídia tenta desqualificar a escolha!!!

Ler 88 comentários