Bolsonaro nega segunda onda: "Quem está pegando agora é quem estava em casa"

Bolsonaro nega segunda onda: “Quem está pegando agora é quem estava em casa”
Reprodução/CNN Brasil

Após votar no Rio, Jair Bolsonaro disse que não existe a “dita segunda onda” de Covid-19 e alertou para as consequências de novas quarentenas.

“Eu falei que era uma curva e todo mundo ia acabar pegando algum dia, ou quase todo mundo. Quem está pegando agora, na dita segunda onda – não é segunda onda não – é quem estava em casa. Agora, se fechar tudo novamente, não sei como nós podemos reagir”, disse.

“Porque o auxílio emergencial, não foi dinheiro que estava no cofre. O total, com todas as despesas, foram mais de 700 bilhões de endividamento. O Brasil aguenta outra dessa? É igual você comprar fiado no botequim, na cantina, na mercearia. Chega uma hora que o cara fala: ‘não vou vender mais fiado para você, porque não vai poder pagar’. Vê o que vai acontecer com os juros a longo prazo, vai aumentar assustadoramente”, afirmou.

Leia mais: Vacina boa é a que funciona e ponto final.
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 155 comentários
TOPO