Bolsonaro paz e amor

Telegram

Na Marcha para Jesus, Jair Bolsonaro comentou declarações do organizador do evento, Estevam Hernandes, da Igreja Renascer em Cristo, sobre referências ao “ódio” em seu discurso.

“Nós também somos contra. Aqui é lugar de perdão, é de entendimento, de amor ao próximo, não é lugar para atacar ninguém”, declarou o presidenciável.

Bolsonaro chegou à marcha acompanhado de Magno Malta, cotado para ser seu vice. Brincou com os jornalistas dizendo que, ali, o senador evangélico era seu “chefe”.

Comentários

  • Wilson -

    Estevam Hernandes, Estevam Hernandes......, ué, cassaram o titulo de Apóstolo? Vai ver, acabaram-se os dólares...............Ainda mora no Brasil, mesmo depois que o dízimo do Cacá minguou????? Sabe-se (à boca grande!!!) que até os fiéis minguaram..................

  • Ali -

    É piada esse título, né? Só pode! A única pessoa que não é paz e amor é Bolsonaro kkkkk Vamos votar em Alckmin, gente, que tem trabalho pra mostrar, que tem experiência. Alckmin é o candidato que pode trabalhar muito mais pelo Brasil. Tem boas propostas, tem ido bem nas entrevistas, não foge de nenhuma pergunta e é o mais sensato e experiente entre os candidatos.

  • Havião -

    Só não quer intervenção militar quem é de esquerda. Eles veem com esse mimimi que só eleições resolvem. Quem são os candidatos? Tudo de esquerda, no que diz respeito a competência e capacidade de resolver os problemas do Brasil. Bolsonaro também é esquerda na competência; mais um candidato sem noção. Quase uma Dilma. #Somossubdesenvolvidos.

Ler 177 comentários