Bolsonaro pede que sua equipe evite ‘polêmicas’

Jair Bolsonaro pediu a assessores que evitem “polêmicas” até o primeiro turno, informa a Crusoé.

O apelo foi feito por meio do general Augusto Heleno.

Leia:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Sem brigas, mesmo porque não dá tempo de desmentir tudo o que a petralhada(+anexos)pôe no ar, então o melhor é deixar correr a água. Mostrar que tem o que fazer, e tem muito, +de 1001 ítens a c

Ler mais 12 comentários
  1. Sem brigas, mesmo porque não dá tempo de desmentir tudo o que a petralhada(+anexos)pôe no ar, então o melhor é deixar correr a água. Mostrar que tem o que fazer, e tem muito, +de 1001 ítens a c

  2. BOLSONARO em seu primeiro discurso, vai abrir a camisa e mostrar o que lhe fizeram e irá perguntar aos “brasileiros” se é isso que querem que aconteça com o BRASIL. Deus acima de todos

  3. Antagonistas se prestando ao triste e deprimente papel de inventores de polêmicas inexistentes! Parem com isso! Deixem esse papel para Folha e Globo. Eles já fazem isso há mais tempo! #Fica a dica!

  4. E aí, já fez a sua parte? Vai ficar fora dessa? Cadê os votos que pedimos para o MITO? Depois não adianta chorar. Vejam o que acontece na Venezuela. Isso que querem para seus filhos? É MITO 17

  5. De fato, quando você abre a boca e diz que a água é líquida, corre o risco de ser acusado de discriminação racial e homofobia. É melhor ficar calado diante do ptralhismo parlamentar e seguidore

  6. Tem muitas questões cruciais q precisarão ser encaradas. Mas o Brasil do mimimi, depois de 30 anos d esquerdice e politicamente correto, não está ainda preparado para ouvir verdades sem melindres.

  7. Todos os outros candidatos estão juntos na busca de fatos novos para minar Bolsonaro. Qualquer coisa que sair da boca de seus assessores, os outros candidatos tentarão transformar em “FATO NOVO”.