Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

"Bolsonaro quer apenas um pretexto para tentar arranjar uma grande confusão"

Para Merval, Jair Bolsonaro perdeu apoio dos bolsonaristas e militares, passando a agir como "arruaceiros de rua que vivem atrás de pretexto para uma briga"
“Bolsonaro quer apenas um pretexto para tentar arranjar uma grande confusão”
Reprodução/TV BrasilGov/YouTube

Aos poucos, a imprensa começa a perceber que Jair Bolsonaro não quer o voto impresso, mas apenas “arranjar uma grande confusão, diante da possibilidade de perder a eleição presidencial do ano que vem”. Para Merval Pereira, o presidente age como “aqueles arruaceiros de rua que vivem atrás de pretexto para uma briga”.

“A resposta dura do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ao abrir inquérito administrativo sobre as ameaças de Bolsonaro à realização de eleições do ano que vem, com seus ataques à urna eletrônica, mostra que suas bravatas estão prestes a se ver às voltas com a Justiça.”

O colunista diz também que os minguados protestos de domingo mostram que Bolsonaro perdeu apoio entre os próprios bolsonaristas, decepcionados com o casamento com o Centrão, assim como os militares, desmoralizados pelo ex-capitão.

“Pegue-se o exemplo do sumido general Augusto Heleno, ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI). Como estará se sentindo diante da desmoralização que sofreu com seu grande líder não apenas chamando para dentro do governo o grupo político corrupto que atacava, como dizendo-se ele próprio membro do Centrão?”

 

 

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO