Bolsonaro quer o dinheiro de Biden

Bolsonaro quer o dinheiro de Biden
Foto: Isac Nóbrega/PR

Na carta que enviou a Joe Biden, comprometendo-se a eliminar o desmatamento ilegal, Jair Bolsonaro aproveitou para pedir uma esmola:

“Ao sublinhar a ambição das metas que assumimos, vejo-me na contingencia de salientar, uma vez mais, a necessidade de obter o adequado apoio da comunidade internacional, na escala, volume e velocidade compatíveis com a magnitude e a urgência dos desafios a serem enfrentados.”

Durante a campanha eleitoral americana, Jair Bolsonaro havia esfregado na cara de Joe Biden a oferta de 20 bilhões de reais para preservar a floresta, dizendo o seguinte:

“O que alguns ainda não entenderam é que o Brasil mudou. Hoje, seu Presidente, diferentemente da esquerda, não mais aceita subornos, criminosas demarcações ou infundadas ameaças. NOSSA SOBERANIA É INEGOCIÁVEL.”

As letras maiúsculas escondem um presidente minúsculo.

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie a o jornalismo independente.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO