Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Bolsonaro recua e diz que flexibilização do uso de máscaras caberá a Queiroga

O presidente tentou convencer apoiadores de que apenas disse que pediu ao ministro para estudar a possibilidade
Bolsonaro recua e diz que flexibilização do uso de máscaras caberá a Queiroga
Foto: Alan Santos/PR

O presidente Jair Bolsonaro recuou nesta sexta-feira (11) da declaração que deu ontem e disse que caberá ao ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, decidir sobre a necessidade do uso de máscara.

Bolsonaro havia dito que pediu a Queiroga para apresentar um “parecer” para liberar pessoas vacinadas ou que já tenham sido contaminadas pela Covid de utilizaram máscaras.

Em conversa com apoiadores no Palácio da Alvorada, o presidente disse que apenas pediu que o ministro analisasse a possibilidade.

“Ontem pedi para o ministro da Saúde fazer um estudo sobre máscara. Quem já foi infectado e quem tomou vacina não precisa usar máscara. Mas quem vai decidir é ele, dar um parecer.” 

O presidente ainda disse que a definição cabe a governadores e prefeitos, de acordo com o que decidiu o STF.

Leia mais: Assine a Crusoé, a publicação que fiscaliza TODOS os poderes da República.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO