Bolsonaro sobre a decisão de Fachin: “Ministro tinha uma forte ligação com o PT”

Bolsonaro sobre a decisão de Fachin: “Ministro tinha uma forte ligação com o PT”
Reprodução/CNN Brasil

O presidente Jair Bolsonaro classificou como “previsível” a decisão do ministro Edson Fachin, que anulou todos os atos processuais envolvendo Lula na Lava Jato de Curitiba.

“Qualquer decisão dos 11 ministros é possível se prever o que eles pensam, do que botam no papel. O ministro Fachin, ele tinha uma forte ligação com o PT, então não estranha uma decisão neste sentido. Mas obviamente é uma decisão monocrática, mas vai ter que passar pela turma ou pelo Plenário para que tenha a devida eficácia”, disse Bolsonaro, em rápida entrevista na entrada do Palácio da Alvorada.

Apesar da “previsibilidade” da decisão, Bolsonaro declarou que “todo mundo foi surpreendido” com a manifestação de Fachin. “Agora, todo mundo foi surpreendido com isso daí. Afinal de contas, as bandalheiras que esse governo fez estão claras perante toda a sociedade”, disse Bolsonaro que ainda complementou.

“Eu acredito que o povo brasileiro não queira sequer ter um candidato como esse em 22, muito menos pensar em uma eleição dele”, descreveu o presidente.

Leia mais: O furo de reportagem de O Antagonista sobre a mansão comprada por Flávio Bolsonaro em Brasília é dissecado na edição desta semana da Crusoé
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO