Bolsonaro, sobre escolha de Kassio: “Não vou indicar um cara só pelo currículo”

Jair Bolsonaro disse neste sábado que escolheu o desembargador Kassio Marques para a vaga de Celso de Mello no STF por causa da “afinidade” com ele.

“Eu não vou indicar um cara só pelo currículo, vai chegar lá, vai ser o dono de si”, disse o presidente durante uma live. “Ele tem que ser independente, tudo bem, mas tem que ter essa afinidade comigo. E ele tem através da tubaína ou da Cola-Cola.”

Na gravação, feita no Guarujá ao lado de uma apoiadora, o presidente explicou que “tomar uma tubaína” significar ter afinidade com ele.

Como mostramos, o título de “pós-doutor” de Kassio pela Universidade de Messina é um curso de extensão, na forma de seminários, oferecido pelo Instituto Internacional de Educação Superior (IIES).

Nesta semana, a Crusoé apontou ainda indícios de plágio na dissertação de mestrado de Marques apresentada na Universidade Autônoma de Lisboa.

 

Leia mais: Sucessão no STF: a imagem do escolhido por Bolsonaro derrete
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO