Bolsonaro: "Tudo em paz, pessoal. Pedir a Deus que continue, tá?"

Bolsonaro: “Tudo em paz, pessoal. Pedir a Deus que continue, tá?”
Reprodução/TV Brasil

Em frente ao Palácio da Alvorada, há pouco, Jair Bolsonaro disse o seguinte a um punhado de apoiadores, registrou a Crusoé:

“Tudo em paz, pessoal. Pedir a Deus que continue, tá?”

O presidente havia acabado de sair de uma reunião — fora da agenda — com Arthur Lira, revelada pela CNN.

Bolsonaro continuou sem fazer qualquer comentário sobre a situação do deputado Daniel Silveira. A Câmara poderá decidir hoje se mantém ou não o bolsonarista preso.

Leia mais: Assine a Crusoé, a revista que tem coragem de fiscalizar TODOS os poderes
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO