Bolsonaro: "Valeixo é subordinado a mim, não ao ministro"

Telegram

Jair Bolsonaro, no caso do diretor da PF, fez questão de humilhar publicamente Maurício Valeixo e, sobretudo, Sergio Moro:

“O Valeixo pode querer sair hoje. Não depende da vontade dele. E outra, ele é subordinado a mim, não ao ministro. Deixo bem claro isso aí. Eu é que indico.”

Comentários

  • Indignada -

    Em um futuro próximo, Bolsonaro pagará o preço de ter traído seus eleitores. Espere 3.5 anos e verá.

  • Alexander -

    Isso é humilhar ou a verdade nua e crua, na lata? Peguem um organograma e vejam.

  • kenoneer -

    Pena que não tem como desvotar neste traste...

Ler 1012 comentários