Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Bolsonaro veta federações de partidos

Congresso deve manter o veto, desde que a reforma eleitoral com a volta das coligações partidárias seja aprovada no Senado e sancionada pelo presidente
Bolsonaro veta federações de partidos
Foto: Leonardo Sá/Agência Senado

Jair Bolsonaro vetou o projeto de lei que institui federações de partidos políticos e daria sobrevida a legendas pequenas. Em sua justificativa, disse que o projeto vai na contramão do aprimoramento do sistema representativo e “inaugura um novo formato com características análogas às das coligações”.

“O veto presidencial objetiva salvaguardar o eleitor comum, uma vez que, como apresentada a proposição poderia afetar, inclusive, a própria legitimidade da representação”, diz o texto.

A proposta permitia que partidos políticos se organizassem numa federação, por ao menos quatro anos, driblando a cláusula de barreira instituída em 2018. O PCdoB foi um dos principais articuladores da medida no Congresso, onde há acordo para manter o veto — caso a reforma eleitoral com as coligações seja aprovada também no Senado.

 

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO