Bozzella: "Bolsonaro precisa conduzir o Brasil como homem, não como moleque"

Bozzella: “Bolsonaro precisa conduzir o Brasil como homem, não como moleque”
Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

O deputado federal Júnior Bozzella, vice-presidente nacional do PSL, disse a O Antagonista ser a favor da abertura de processo de impeachment de Jair Bolsonaro.

“Quantas vezes o presidente Jair Bolsonaro atentou contra a Constituição, contra o livre exercício dos poderes Legislativo e Judiciário e do Ministério Público? Difícil contar, porque, por diversas vezes, a conduta do presidente não teve nada de republicana.”

Bozzella acrescentou:

“Bolsonaro claramente interferiu na Polícia Federal e em outros órgãos do governo para safar os filhos de pagarem pelas atividades ilícitas em que se envolveram. Usou a Abin para atender aos seus interesses pessoais e ainda criou um sistema de inteligência particular paralelo. São fatos que ultrapassam a esfera da questão moral e ética e adentram a criminal.”

E mais:

“Bolsonaro chegou ao absurdo de convocar manifestação contra o Congresso Nacional e o STF. Não satisfeito, ainda participou do ato em meio a uma pandemia. Que tipo de chefe da nação atenta contra a própria democracia? Só um tirano! Isso sem falar nas manifestações irresponsáveis do presidente com a comunidade internacional, que colocam o país isolado das grandes potências e em risco — não falo nem em termos bélicos, mas comerciais, econômicos e ambientais.”

Sobre a atuação do presidente na pandemia, o deputado comentou:

“Para completar o golpe contra o país, Bolsonaro conduziu de maneira desastrosa o enfrentamento à pandemia, com o seu negacionismo crônico da Covid-19 e a inércia criminosa que permitiu que dezenas de pessoas morressem asfixiadas em Manaus. Se isso não é responsabilidade do governo federal, do presidente e de seus ministros, é de quem? O Bolsonaro precisa conduzir o Brasil como homem, não como moleque. Precisa assumir as suas atitudes e ser responsabilizado por elas.”

Leia mais aqui: Bolsonaro continuará tendo uma oposição de mentirinha?

Leia mais: Enquanto dezenas de países do mundo já iniciaram a vacinação contra a Covid-19, o Brasil patina entre duas vacinas.
Mais notícias
TOPO