BR Distribuidora e PT

Os procuradores da Lava Jato, neste momento, estão explicando a My Way:

1) A BR Distribuidora entrou na parada.

2) O pagamento de propina refere-se à diretoria de Renato Duque e Pedro Barusco, os arrecadadores petistas.

3) O tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, é suspeito de participar desse esquema.

4) A PF coletou provas para apurar o envolvimento de outros 11 operadores do Petrolão.

5) Alguns dos fatos investigados ocorreram em 2014.

6) Em uma empresa de Santa Catarina foi apreendido um grande volume de dinheiro.

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200