Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Indiciado pela CPI, Braga Netto reclama: "Um grande equívoco"

O ministro, que atuou no Comitê de Crise para Supervisão e Monitoramento dos Impactos da Covid, afirmou que apresentará documentos que mostram isso
Indiciado pela CPI, Braga Netto reclama: “Um grande equívoco”
Foto: Alan Santos/PR

O ministro da Defesa, Walter Braga Netto (foto), afirmou hoje, em audiência pública na Câmara, que seu indiciamento no relatório final da CPI da Covid “é um grande equívoco”. O general disse que apresentará documentos que mostram isso.

“Isso tudo já está documentado, quando for requerido nós temos toda documentação para mostrarmos que aquilo ali é um grande equívoco, que aquilo ali não está correto.”

No relatório final da comissão, o ele foi indiciado por epidemia com resultado morte. Quando estava na Casa Civil, Braga Netto atuou como coordenador do Comitê de Crise para Supervisão e Monitoramento dos Impactos da Covid, órgão responsável pela articulação das medidas do governo Bolsonaro na pandemia.

Como mostramos, o procurador-geral da República, Augusto Aras, se reuniu hoje com senadores e recebeu o documento. 

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....