Brasil pode enfrentar novo platô da pandemia, diz Fiocruz

Brasil pode enfrentar novo platô da pandemia, diz Fiocruz
Foto: Divulgação/Silvio Avila

Um boletim extraordinário do Observatório da Covid-19 da Fiocruz, divulgado nesta quarta-feira (14), afirma que o Brasil corre o risco de enfrentar um novo platô da pandemia.

O comitê observa uma tendência de estabilização do número de casos a partir de abril.

Na última semana epidemiológica concluída, a 14ª, foram notificados uma média de 70.200 casos e 3.020 óbitos diários.

“O número de casos aumentou a uma taxa de 0,9% ao dia, enquanto o número de óbitos por covid-19 aumentou 1,1% ao dia, isto é, ligeiramente mais lento que o verificado na semana anterior (1,5%), mostrando uma tendência de desaceleração, mas ainda não de contenção, da epidemia.”

O grupo atribuiu o resultado das medidas de restrição ao panorama de previsões mais otimistas, que apontaram os pequenos sinais já no fechamento da última semana epidemiológica.

Os especialistas alertam que ainda não houve o alívio necessário no contexto brasileiro das demandas hospitalares. Ao todo, 16 estados têm taxas de ocupação de leitos de UTI superiores a 90%.

Leia mais: Assine a Crusoé, a publicação que fiscaliza TODOS os poderes da República.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO