BRASIL: PRESIDÊNCIA DO MERCOSUL VAGA

José Serra enviou carta aos chanceleres dos países-membros afirmando que há vacância do posto, “uma vez que não houve decisão consensual a respeito de seu exercício no período semestral subsequente”, informa Lauro Jardim.

Ou seja, o Brasil não quer a Venezuela na chefia, por razões óbvias.

O Paraguai havia tomado a mesma posição no fim de semana.