Bretas condena empreiteiro a quatro anos de prisão

O juiz Marcelo Bretas condenou hoje Fernando Cavendish, dono da empreiteira Delta, a quatro anos e dois meses de prisão.

Um dos participantes da “farra dos guardanapos” com Sérgio Cabral em Paris, em 2009, Cavendish foi condenado na ação penal da Operação Saqueador, informa a Folha.

Nela, o empreiteiro foi acusado de ter gerado R$ 370 milhões para o caixa dois da Delta por meio de lavagem de dinheiro com as empresas de Carlinhos Cachoeira e de Adir Assad.

Réu confesso, Cavendish reconheceu os crimes e disse que parte dos recursos foi usada para pagar propina a Cabral, que não é réu nesse processo.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

Ler mais 5 comentários
  1. R$ 370 milhões lavados e o bandido pega 4 anos de prisão, é um escárnio! Ministros do STF ficam décadas no cargo sabe-se lá fazendo o quê. O Brasil acabou, virou pó, e os bandidos não param de saquear e a justiça libertar.