Bretas libera delator para passar Carnaval em Miami

Marcelo Bretas autorizou o delator Alexsander Queiroz Silva –sócio de uma consultoria que geriu um fundo do ex-presidente do Departamento de Transportes do Rio, Rogério Onofre — a passar o Carnaval em Miami, informa Fabio Leite na Crusoé.

Alexsander foi alvo de busca e apreensão da Lava Jato em julho de 2017, quando a PF apreendeu em seu apartamento computadores e cerca de US$ 12 mil em espécie.

No mês seguinte, ele fechou acordo de colaboração premiada e detalhou como geria o fundo de Onofre na Holanda.

Como grupos diferentes em Brasília tentam enfraquecer Moro agora... ou em 2022. CONFIRA

Segundo o MPF, o fundo chegou a ter US$ 1,9 milhão em 2013. O dinheiro seria fruto de uma propina mensal paga pela Fetranspor, entidade usada no esquema de corrupção de Sérgio Cabral.

Comentários

  • José -

    Claro. Imaginem impedir um bandido delator de passar o carnaval em Miami. Seria uma desumanidade.

  • Frau -

    O Bretas já foi mais rigoroso com a bandidagem...

  • Edu_Brasil -

    kkkkkk só mesmo a "Justiça" brasileira.

Ler 19 comentários