Bretas tira da prisão namorada do "doleiro dos doleiros"

O juiz Marcelo Bretas tirou da prisão Myra Athayde, namorada de Dario Messer, o “doleiro dos doleiros”. Ela estava presa em Bangu desde 19 de novembro. O magistrado considerou que, como o doleiro está preso, diminuiu o risco à ordem pública e a volta ao crime.

A decisão contou com o aval do Ministério Público. Myra e sua mãe Alcione Maria Mello de Oliveira Athayde terão que cumprir medida cautelares, como proibição de manter contato com os demais investigados e não podem deixar o país, tendo 24 horas para entregar o passaporte.

“Considerando que Dario Messer encontra-se preso desde 19/11/2019, é possível concluir que o
risco à ordem pública que justificou a decretação da medida em desfavor das requerentes encontra-se diminuído. No ponto, este Juízo prestigia a conclusão do MPF”, escreveu Bretas.

COMO ELE VIROU O VICE QUE BOLSONARO QUER. Saiba mais

Na prisão, os investigadores sustentaram que foram encontradas provas consistentes de que Myra, além de namorada do doleiro, também atuava no exterior para cumprir as ordens dele e ocultar recursos. Segundo o MPF,  isso demonstra que a paciente não era mera companheira, mas verdadeira operadora do esquema de lavagem de dinheiro fora do país.

Comentários

  • José -

    Logo agora que ela ia fazer delação???!!!! Muito estranho! Aliás tb é muito estranho que Cabral - nunca cite os mais recursos e desvios recebidos - para obras da COPA, Olimpíada, e para investime

  • André -

    Agora solta vai poder movimentar as contas, para poder pagar as vendas de sentença no STF.

  • Eduardo -

    Esse caso tem potencial explosivo 10x maior que a Lava-Jato e ninguém está prestando atenção. Já já soltam o cara também.

Ler 14 comentários