Cabify deixará de operar em junho no país: "Adeus, Brasil"

Cabify deixará de operar em junho no país: “Adeus, Brasil”
Arte: Matheus Castro

Clientes do aplicativo Cabify, concorrente da Uber, começaram a receber hoje um comunicado com a informação de que a empresa deixará de operar no Brasil em 14 de junho deste ano.

“Quando criamos a Cabify, o fizemos com o compromisso de melhorar a mobilidade das cidades. Entretanto, depois de algum tempo operando em sua cidade, hoje temos algo importante para lhe dizer: deixaremos de operar no Brasil a partir de 14 de junho”, diz o comunicado.

O motivo da decisão não é dito nesse texto, que tem como título “Adeus, Brasil”.

“Estamos tristes em dizer-lhes isto, mas isto não é o fim do caminho! Você ainda poderá viajar conosco até a data de encerramento. E também estamos disponíveis para você em todas as outras cidades que seguimos operando na América Latina e Espanha.”

Segundo o Estadão, em outro texto, enviado aos clientes, a empresa disse que a persistência da pandemia dificulta a criação de valor dos seus serviços.

Leia mais: Guedes e seu ideário foram inteiramente soterrados pelos planos de sobrevivência política do presidente da República e da sua própria reeleição
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO