A cabotagem de Bermudes e Dantas

O advogado Sérgio Bermudes conseguiu em tempo recorde no CADE, presidido por Alexandre Barreto, parecer contra uma resolução da Antaq que vinha prejudicando uma empresa de cabotagem que é sua cliente.

O caso se refere à resolução 1/2015 que regulamenta o aluguel de embarcações internacionais para cabotagem no Brasil. A companhia Posidônia, que contratou Bermudes, não cumpre requisitos da resolução.

O advogado também conseguiu apoio do TCU para emparedar a agência reguladora, em benefício de sua cliente. A ajuda partiu do gabinete de Bruno Dantas, que vem a ser o padrinho da indicação de Barreto para o CADE.

 

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. Mais um motivo não dá pra ficar repercutindo ministros do TCU. Determinam auditorias dirigidas para intimidar pessoas e órgãos públicos que não se dobram a esse tipo de promiscuidade, ao passo que protegem os órgãos sujos.

Ler mais 14 comentários
  1. Mais um motivo não dá pra ficar repercutindo ministros do TCU. Determinam auditorias dirigidas para intimidar pessoas e órgãos públicos que não se dobram a esse tipo de promiscuidade, ao passo que protegem os órgãos sujos.

  2. Há uma tribufu muito bem relacionada trabalhando no escritório desse Bermudes.
    Deve ser muito querida pelo ministro Dantas, que deve gostar também muito do marido da tribufu. Todos sabem quem é, né, não.

  3. Esta acontecendo isso direto em outras áreas.
    Ou a Ag. Reguladora finge q não vê, ou qdo vêem, vem Trib Superior carteirando em cima da agência : Sist. Financeiro, Teles, : ((
    Sei não se esse Brasil tem solução ou se a única solução continua sendo Cumbica.

  4. Esses advogados tem que ser investigados , Bermudes, Kakay e etc . Eles têm uma relação muito próxima com com certas autoridades STF, Stj, TCE e etc. Muito estranho tanta amizade, e conseguem tudo .

  5. Esses advogados tem que ser investigados , Bermudes, Kakay e etc . Eles têm uma relação muito próxima com certas autoridades STF, Stj, TCE e etc. Muito estranho tanta amizade, e conseguem tudo .

  6. Sempre as maracutaias…
    Possivel pela falta de um sistema jurídico eficiente e eficaz, que deveria ser respeitado pelo temor de severas punibilidades…
    Mas estamos no Brasil, terra das maracutaias, onde a justiça é venal, conivente e parceira dos grandes bandidos…

    1. Este trabalho parece ser coisa de outro escândalo, o do CAFETÃO. Num puteiro, as palavras tem que serem claras, principalmente os cargos elevados: CAFETÃO, RUFIÃO, PROXENETAS.
      RUFI