Cabral condenado a quase 200 anos

Sérgio Cabral foi condenado hoje pela oitava vez pelo juiz Marcelo Bretas na Operação Lava Jato –desta vez, a 14 anos e cinco meses de prisão por lavagem de dinheiro.

Agora, as penas do ex-governador do Rio somam 197 anos e 11 meses de prisão. Cabral tem, no total, nove condenações –a outra veio de Curitiba, pelo então juiz federal Sergio Moro.

Também foram condenados o irmão do ex-governador, Maurício Cabral, e a ex-mulher de Cabral, Susana Neves –todos por lavagem de dinheiro. A pena de Maurício foi de quatro anos e seis meses, e a de Susana, de oito anos e quatro meses.

No caso em questão, o MPF acusou a FW Engenharia de pagar propina ao esquema do ex-governador em troca de contratos com o governo estadual. O volume dos contratos da empreiteira aumentou 37 vezes na gestão Cabral.

Flávio Werneck, o dono da FW, também foi condenado a oito anos e quatro meses.

O inimigo número 1 de Sergio Moro. Leia AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. O que mais acho incrível é um condenado desses não ter sido achado pela imprensa. Principalmente porque O Garotinho vinha fazendo denúncia há uns nove ou dez anos. A imprensa é cúmplice nesse r

Ler mais 67 comentários
  1. O que mais acho incrível é um condenado desses não ter sido achado pela imprensa. Principalmente porque O Garotinho vinha fazendo denúncia há uns nove ou dez anos. A imprensa é cúmplice nesse r

  2. Cabral foi escolhido o “bobo da corte”. Os seus processos são julgados rapidamente. Por que é diferente com o chefe da ORCRIM? Os crimes não são os mesmos ?Lavagem $$.? E aí? Cruzoé, expl

  3. Prender essa gente não resolve nada e somente aumenta a despesa com eles. Teria que expropriar todos os bens desses bandidos e pô-los para trabalhar oito horas por dia para pagar a estadia e a comid

  4. … tico-tico no fubá: não se assustem, calculando sobre 30 anos de cana, cumprirá 1/6, irá para o semi aberto, e depois para domiciliar com tornozeleira. Em 5 a 6 anos ficará tudo resolvido.

    1. E se candidatará ao governo do estado do Rio de Janeiro. Num país que glorifica bandidos de toda ordem, ele tem boas chances de ganhar e governar novamente o Rio. Sorry

  5. Entendo que os cálculos para progressão da pena devam ser sobre o total (198 até agora) da pena, ou não havería sentido em condenar a mais de 30 anos. Terá que cumprir 30 anos em regime fechado.

    1. Moça, sai do sonho e caia na real! Pelas nossas leis ninguém pode ficar mais de 30 anos preso. Se primário cumpre 1/5, vai para o semi aberto e depois para domiciliar com tornozeleira. 5 anos e já

  6. Mudando de assunto. Antagonistas, vcs não tinham uma foto melhor do Bolsonaro p capa da Crusoé? Até o Lula e o Beiçola estão melhores. Fala verdade, vcs queriam esculhambar, né? Igualzinho à Gl

  7. Uma dúvida que me incomoda: Desses duzentos anos, ele só cumpri no máximo 30 no total, ou nem isso, ou de cada sentença? Lembrei da famosa advogada do antigo INSS que está solta com muita grana.

    1. Ele teria que cumprir pelo menos 40 anos dos 200, mas vai ficar 30, o máximo permitido pelas nossas leis. Pode até sair antes por motivo de doença.

  8. Ae Drica….livre, leve e solta para usufruir dos milhões desviados. Todo castigo para corno é pouco. Chupa essa manga, Cabral. Sabor bolinho de bacalhau ! Apodreça no xilindró, malandrão!

  9. Os brasileiros que votaram no BOLSONARO querem que eles sejam condenados pelos seus crimes e fiquem presos pelos prazos de suas penas. Nada de 1/6, 2/5 ou 1/3 da pena para progredir de regime.

  10. Vai ficar preso por no máximos 5 anos. Algum Tribunal concede liminar para incluir todas condenações no máximo de 30 anos de cumprimento de pena . Os milhões do condenado garantem. 1/6. Fato.

  11. …nada, logo o vendedor de HC(Gilmar Mendes) o soltará, vide o impune Dirceu, livre mesmo condenado a + de 30 anos, no Brasil o crime compensa, apesar de “condenados”, ficam ricos, livres e rindo

    1. Não é 1/6 de 30. É 1/6 de 197. por isso a cumulação de penas. Em que pese o STFinho dar um jeito de soltar o infame ou dar prisão domiciliar por doença incapacitante: falta de caráter…

  12. E quanto ao filho político e à atual mulher do vagabundo ? Não sabiam, de nada ? A mulher, tremenda vadia, sabia muito bem aproveitar o dinheiro roubado, além de lavar dinheiro no seu escritório.