ACESSE

Cabral diz, pela 1ª vez, que sua mulher sabia de caixa paralelo

Telegram

Sérgio Cabral está prestando hoje a Marcelo Bretas seu primeiro depoimento desde que o acordo de delação premiada dele com a PF foi homologado por Edson Fachin.

Segundo O Globo, o ex-governador do Rio confirmou pela primeira vez que sua mulher, Adriana Ancelmo, sabia da existência de seu “caixa paralelo” formado a partir de dinheiro público desviado da administração estadual.

Cabral disse ainda que Adriana “usufruiu” largamente desse caixa. “Ela sabia (…), sabia que meus gastos eram incompatíveis com a minha receita formal.”

O ex-governador confirmou as acusações dos procuradores. Segundo o MPF, Cabral ocultou cerca de R$ 4 milhões desviados com a ajuda de Italo Garritano, dono do restaurante Manekineko.

O processo teria ocorrido por meio do escritório de advocacia de Adriana Ancelmo em 16 oportunidades, entre 2014 e 2016.

 

O NOVO BOTE EM MORO. Leia aqui

Comentários

  • Ruy -

    Quando a Adriana Anselmo voltará para a prisão em regime fechado?

  • MARIA -

    Até às almas do purgatório sabiam que a mulher desse vagabundo era comparsa dele nos milhares crimes cometidos pe este bandido contumaz!!!

  • Enilze -

    Será que ela o abandonou?

Ler 18 comentários