Cabral, the Godfather

O assunto do dia é Lula e o seu operador Palocci, mas não poderíamos deixar de lado Sérgio Cabral.

A Delta, de Fernando Cavendish, teve quase 100% do seu faturamento de 11 bilhões de reais, entre 2007 e 2012, proveniente de contratos públicos. Desse total, 370 milhões foram lavados por 18 empresas de fachada, segundo a Operação Saqueador.

“As investigações produziram fortes elementos que apontam para a existência de gigantesco esquema de corrupção de verbas públicas no Rio de Janeiro, que contou, inclusive, com o apadrinhamento do então governador de Estado Sérgio Cabral, conforme se extrai das declarações de colaboradores”, dizem os investigadores.

Godfather vai para a cadeia.

Faça o primeiro comentário