Cachoeira quer matar a saudade

A defesa de Carlinhos Cachoeira entrou com pedido no STF para cumprir prisão domiciliar em Goiânia, onde tem casa, informa o G1. Por ora, ele “cumpre pena” em um hotel do Rio de Janeiro.

Há cinco dias, a mulher de Cachoeira escreveu, nas redes sociais, que estava com uma “saudade que corrói a alma”.

Faça o primeiro comentário