Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

"Cada país foi diferente", diz ex-CEO da Pfizer, sobre dificuldade para vender vacinas

Na CPI da Covid, Carlos Murillo evitou fazer comparações do Brasil com outros países e poupou o governo de críticas
“Cada país foi diferente”, diz ex-CEO da Pfizer, sobre dificuldade para vender vacinas
Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

Questionado na CPI da Covid se o Brasil dificultou mais que outros países a aquisição da vacina da Pfizer, o ex-CEO da empresa na América Latina, Carlos Murillo, evitou fazer comparações.

“Cada país foi diferente. E nós respeitamos e atendemos as posições dos governos com os quais estávamos negociando. O governo do Brasil considerou que a segurança jurídica e autorização legislativa específica era necessária. E trabalhamos com o governo para chegar até isso”, disse.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO