Cafezinho no Instituto Lula

Lula e Mauro Marcondes, o lobista que comprou a MP 627, conversaram em agosto de 2013, período em que estavam sendo negociadas as benesses fiscais aos fabricantes da Hyundai e da Mitsubishi.

O dado consta de um relatório da Zelotes obtido pelo Estadão:

“Num dos papeis recolhidos no escritório do lobista, cujo título é ‘Pendências Dr. Mauro Marcondes (16/08/2013)’, estão descritos compromissos a serem cumpridos por ele na negociação de interesses de seus clientes, entre eles montadoras de veículos. Um dos itens registrados é: ‘Colocar Dr. Mauro em contato com o Presidente Lula – Instituto Lula’.

Para a Inteligência da Receita Federal, que produziu análise sobre os documentos, as ‘anotações do lobista revelam a existência de proximidade com o ex-presidente Lula’, tendo em vista seu ‘planejamento de contato telefônico e pessoal’ com o petista”.