Calamidade política

O governo do Rio, que declarou calamidade pública, quer cortar R $ 27,9 bilhões em despesas nos próximos dois anos, além de aumento de impostos.

Os cargos de confiança serão reduzidos em 30%, as secretarias cairão de 20 para 12, serão extintas sere autarquias e fundações.

Um dos projetos também prevê o aumento da alíquota previdenciária para até 30% para ativos, inativos e pensionistas nos próximos 16 meses.

Entenderam agora?

Faça o primeiro comentário