Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Calvário: irmão de ex-governador era sócio oculto de empresa de loterias

As investigações da Operação Calvário indicam que Coriolano Coutinho seria, “senão proprietário, “sócio oculto” da empresa “Paraíba de Prêmios”, empresa que era credenciada na Loteria do Estado da Paraíba (Lotep).

Para a PF e o Ministério Público da Paraíba “todos os indícios demonstram, em princípio, a atuação da ORCRIM, por meio de CORIOLANO COUTINHO, no âmbito das loterias do Estado da Paraíba, valendo-se de estruturas, inclusive institucionais no Estado da Paraíba, e sob a superior gestão de seu irmão, o ex-governador RICARDO COUTINHO, bem como pessoas outras entrepostas para a integração de recursos supostamente ilícitos”.

Os investigadores dizem que “partindo do pressuposto de que Coriolano Coutinho seja, no mínimo, sócio oculto da “Paraíba de Prêmios, importa descortinar o seu real envolvimento”.

A Calvário aponta que a Lotep “rescindiu unilateralmente o Contrato de Prestação de Serviços Lotéricos (de no 01/2016) firmado com a “Paraíba de Prêmios”, inobstante essa circunstância ainda não tenha impedido a empresa investigada de comercializar seus produtos, fato este evidenciado pela Controladoria-Geral do Estado (CGE), no

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO