Câmara decidirá sobre Daniel Silveira após audiência de custódia

Câmara decidirá sobre Daniel Silveira após audiência de custódia
Foto: Adriano Machado/Crusoé

Líderes da Câmara decidiram, no início da noite desta quarta-feira (17), que vão avaliar a manutenção da prisão do deputado Daniel Silveira (PSL-RJ) somente após a audiência de custódia do parlamentar, marcada para às 14h30.

A sessão da Câmara que analisar a decisão do STF começa amanhã às 10h. A tendência é que os deputados discutam outros projetos de lei e o caso Daniel Silveira entre na pauta por volta das 16h.

Esse adiamento tem um motivo: membros do Centrão articulam uma solução para livrar Silveira da prisão e, ao mesmo tempo, atenuar a crise com o Supremo. Hoje, os líderes da Câmara tiveram três reuniões para tratar do assunto. Deve ser realizada uma quarta na tarde desta quinta.

A expectativa é que a Câmara não referende a prisão de Silveira. Porém, isso seria condicionado ao seguimento de pelo menos uma representação contra ele no Conselho de Ética da Câmara. Os líderes do Centrão querem que Silveira tenha seu mandato suspenso por um período mínimo de seis meses.

Leia mais: Assine a Crusoé, a publicação que fiscaliza TODOS os poderes da República.
Mais notícias
TOPO